Central de Manicures

o retorno de zabelê, zumbi e besouro... a vespa não veio. tá lá, fabricando mel

quinta-feira, 23 de setembro de 2004

memórias de um católico fervoroso
O DIA EM QUE CAÍ EM TENTAÇÃO

Era o ano de 1992 e eu tinha 14 anos.

No auge da revolução hormonal, resolvi que não iria me masturbar nunca mais. A decisão foi influenciada pela minha participação entusiasmada na Renovação Carismática Católica, à qual havia aderido alguns meses antes.

Um mês sem punheta e eu já sentia minha alma mais próxima da salvação.


"Que bonita decisão, filho!"

O segundo mês também passou bem, com muita oração sempre que a vontade de um "cinco contra um" me afligia. E ainda havia o agravante de minhas fantasias todas envolverem homens. Ou seja: pecado duplo perante a Santa Madre Igreja.


"Ora que melhora", ensinavam na paróquia

E um dia, vendo a MTV, dei de cara com um clipe de "I'm Too Sexy". Senti que alguma coisa acontecia no meu coração, mas vi que a ação era mais embaixo. Aqueles carecas. Sem camisa. Dizendo que eram sexy demais para suas roupas, seus gatos, Milão, Nova York e Japão...


Totalmente demais


"Too sexy for you CHURCH"

Eu rezei. Pedi força à Desatadora dos Nós, ao anjo da guarda. Até a santa Edwiges, aquela das causas urgentes eu recorri. Mas não há _oh gente, oh não_ alma santa que resista àqueles dois carecas musculosos sem camisa.

Caí em tentação. E não me livrei do mal até hoje: toda vez que ouço a música sinto uma vontade louca de, como naquela tarde, gozar uma, duas...cinco... quantas vezes agüentar...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home