Central de Manicures

o retorno de zabelê, zumbi e besouro... a vespa não veio. tá lá, fabricando mel

segunda-feira, 1 de março de 2004

olha o passarinho é o caralho!
VAI TIRAR FOTO NA CASA DO CHAPÉU, VAI...

Cena 1: No Carnaval, na Bahia, uma anônima pede para tirar fotos com Sabrina Parlatore, apresentadora da Band. Eu, que estava do lado, dei de ombros e perguntei: "Mas será que ela é tão fã assim?"

Cena 2: Aeroporto Santos Dumont, ontem, por volta de oito da noite. Outra anônima se aproxima, desta vez de Patrícia de Sabrit. Tira fotos e sai andando agradecida. Eu, que lia meu livrinho sentadinho na sala de embarque penso: "Mas será que ela é tão fã assim?"

Queria (mesmo) entender que tipo de mecanismo faz as pessoas sentirem vontade de tirar foto ao lado de celebridades tão inexpressivas. OK, elas são bonitas e bem simpáticas. Mas tirar foto? Pra que?

Fico pensando o que essas pessoas vão fazer com o tal retrato. Mostrar para os parentes? Guardar em lugar de destaque na estante da sala?

Vamos partir do fato de que tirar foto com celebridades, qualquer uma delas, é um mico. Eu não tiraria foto nem com minha maior deusa, a Marisa Monte. Mas tem gente que quer ser fotografado até do lado da Géris, ex-"BBB4".

O mesmo vale para a mania ridícula de pedir autógrafo. Que diferença vai fazer, na vida dessas pessoas, ter um pedaço de papel rabiscado por um mané que aparece em programas como "Turma do Didi" ou, sei lá, "Malhação". Ele apareceu na TV, eu não. E daí?

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home