Central de Manicures

o retorno de zabelê, zumbi e besouro... a vespa não veio. tá lá, fabricando mel

segunda-feira, 19 de janeiro de 2004

rosa de ouro é quem vai ganhar
CONFIRMADO: BAGACEIRA NÃO TEM LIMITE

Há muito tempo eu não bagaçava tanto numa festinha como fiz no sábado.

Foi na casa do Kiko Zambianchi (aquele que gravou a versão em português de "Hey Jude, lembra?), no Pacaembu, e minhas companhias foram o Rafa e a Myrian.

A caricatice começou já no caminho: pegamos todo o trânsito da saída dp show do Iron Maiden. Com o puta engarrafamento que se formou, só nos restou começar a consumir as cervejas da festa no próprio carro. Como o rádio estava quebrado, a gente começou a ouvir a música do celular: “ô abre alas, que eu quero passar”.

Na festa tinha cerveja, saquê e vodca. Lá pelas tantas, naquele meu estágio de bebedeira em que preciso saber o signo de todas as pessoas, eu me aproximei da Patrícia Coelho, aquela cantora, lembra?

Veja o diálogo:

Manny: Meu, eu torci tanto pra você ganhar na “Casa dos Artistas”. Até tentei ligar pra votar...

Patrícia: hahahahahahahahahahahahaha... obrigada...

Manny: Achei ridículo a Bárbara Paz ganhar. Eu sou seu fã...

Patrícia: ‘Brigada, querido!

Virei as costas chocado com a minha cara de pau. Primeiro porque eu não conheço nenhuma música da Patrícia Coelho. Depois porque eu torci, sim, para a Bárbara Paz ganhar.

E esse é só um dos momentos.

Pior foi quando a Myrian apresentou a gente pra um cara que era filho do Guilherme Afif Domingos. Sim, lembra daquele político que concorreu à presidência?

Ou quando ela levantou a blusa e, barriga à mostra, olhou pra minha cara e disse: “Tô preocupada com a minha hérnia”. Isso só para citar alguns momentos de caricatice...

O Rafa ficou bêbado como há muito tempo eu não via. E ele quando enche a cara fica hilário. E quem conhece o moço sabe como é difícil ele deixar de ser sério e quietinho.

Saímos de lá quase às seis da manhã. E eu ainda passei na Trash pra ver os amigos e fui com o povo para a padaria. Fui dormir às 8h30, depois de tomar dois Dramins...

Espero que meu fígado nunca venha tirar satisfações comigo.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home