Central de Manicures

o retorno de zabelê, zumbi e besouro... a vespa não veio. tá lá, fabricando mel

sábado, 15 de março de 2003

Acode a mãe, Sirleide!
POBRE DOENTE É FODA...

Meu querido e inteligente amigo Poveza teve esta semana alguma doença que podia estar entre um simples resfriado, lesptospirose ou até mesmo a temida (e sem cura) mononucleose. Foi pro hopital e tudo. Segundo se conta à boca pequena, ele até ferveu com as enfermeiras...

Em homenagem a ele, duas das pessoas mais debochadas que conheço, Camila e Amanda, fizeram o post abaixo. Leiam e façam uma visita às moças...

Pobrema de Pobre

Doenças que pobre tem...

Impinge
Não sei bem o que é isso, mas deve ser alguma pereba. Todo pobre, quando começa a se coçar, diz que tem impinge (ou impige, impigi, e suas variações).

Olho de peixe, micose, frieira, chulé, calcanhar rachado, unha encravada, tropeção em pedra que leva a tampa do dedão...
É impressionante a quantidade de problema que dá em pé de pobre.

Pressão
A pessoa nunca mediu a pressão na vida, mas quando começa a passar mal, já sabe: é a pressão. Se subiu ou caiu, não faz diferença. O que importa é que foi a pressão.

Alergia
Normalmente o mais alérgico é aquele menino mais branquinho e limpinho que a gente conhece. E é uma beleza: na primavera, o pólen das flores faz com que ele espirre o dia todo, no verão, fica todo empipocado por causa do calor; no outono, o tempo seco faz com que todas as -ites apareçam: bronquite, rinite, sinusite, laringite, e no inverno, além do apogeu das -ites, tem a alergia a blusas e cobertores de lã. Isso sem contar no dia-a-dia, que o coitado não pode usar qualquer shampoo, sabonete tem que ser especial...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home