Central de Manicures

o retorno de zabelê, zumbi e besouro... a vespa não veio. tá lá, fabricando mel

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2003

Vai uma caipirinha?
O OCÓ DA PEDDY CURI

Desde que se entende por gente, minha prima Peddy Curi namora com o ocó da foto abaixo. Pras desinformadas de plantão OCÓ = HOMEM, tá OK?

Os dois se conheceraem um belo bar chamado TULIPÃO, em SÃO GONÇALO. Uma bonita cidade que fica do ladinho de Niterói, no Rio. É impressionante o carinho entre eles, do tipo:

Peddy: Alexandre, vai buscar água pra mim
Alexandre:Levanta o rado daí e vai buscar, porra!
Peddy: Filho da puta imprestável. Não sei pra que serve ter namorado se ele não faz nada por mim


Ex-surfista de trem, Alexandre começou
a andar DENTRO dos vagões depois de ficar
entre a vida e amorte no hospital Rocha Faria, em Campo Grande. subúrbio do Rio


E, nos dias em que eles não se tratam assim, a gente percebe que brigaram. No universo de minha querida Peddy Curi, palavrão = carinho. Tanto que eu e ela atendemos e desligamos o telefone com o singelo palavrão "vai tomar no cu".

Um detalhe curioso sobre Alê é que ele trabalhou na casa de betty Szafir. Faz uma caipirinha que é de outro mundo. O mundo dos ricos.

Tá, meu bem?

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home