Central de Manicures

o retorno de zabelê, zumbi e besouro... a vespa não veio. tá lá, fabricando mel

segunda-feira, 30 de dezembro de 2002

Espetaculosa da semana
PARADA INGLESA. E NÃO É ESTAÇÃO DE METRÔ!


"Anda logo, que hoje eu ainda tenho que atender o Elton John..."

O soldado britânico Brian, conhecido no alojamento como “Bridget Fonda”, mostrou que aqüendação não tem hora, nem local. Ousado, ele anda com saiote e sem calcinha, como se fosse personagem de livro do Nelson Rodrigues.

Internet é democracia
DESCOBRI A VILA RÉ!!!!!!!

Nunca pus os pés no bonito bairro paulistano chamado de Vila Ré, na mal falada zona leste. No entanto, o nome do lugar dá uma boa pista de que não é muito feliz quem vive por lá. Principalmente as mulheres.


"E eu moro lá há trinta e nove anos!"

Ora, “RÉ” = “ACUSADA DE CRIME”, logo, toda moradora do bairro carrega um certo fardo, meio que “pecado original”, cuja origem é não outra senão o CEP. Como muitas bichas gostam de se referir a si mesmas no feminino, presumo que as monas locais também carreguem sua parcela de “ré".


"Aê truta! Tenho vila nenhuma não, mano!

Outra possível explicação para o nome está na caixa de marchas dos carros. Qual é a marcha que você engata, amigo, quando quer retroceder e/ou manobrar o carro? Isso mesmo, a RÉ. E por acaso vale a pena morar em um bairro “que anda para trás”? Mas, pensando bem, carro é uma coisa que não devia ter chegado ao bairro quando ele foi fundado, em 1975. Logo, descarto essa hipótese.


Marcha ré não é uma probabilidade...

Somando dois mais dois concluo: deve ser uma bosta morar na Vila Ré.


"Mas será que eu consigo me mudar?"

E daí que descobri que a Vila Ré tem seu cantinho na internet. É o Portal Vila Ré, que é até bem ajeitado. Suponho que a seção mais acessada pelos 3 computadores do bairro - todos ficam na Associação de Moradores, presos na mesinha com cadeado - seja “DICAS DE SEGURANÇA”.


Dia de atualização do portal é assim: todo mundo querendo
usar o telefone, e o filho da dona Nevinha no computador,
na tal internet...


E não é que, navegando no portal, descobri o link “POR QUE VILA RÉ”?
Ávido por respostas, cliquei e fui parar em uma página com os seguintes dizeres:

Ajude-nos a desvendar este mistério, porque (sic) o Bairro ganhou seu nome como Vila Ré. Caso você tenha alguma informação sobre a história do Bairro de Vila Ré e Região, mande-nos um email e ganhe brindes...

Como sei que minhas leitoras adoram um brinde e que o brinde deve ser dos mais finos, resolvi divulgar o e-mail para vocês mandarem sugestões. Agora, pelamordedeus, vê lá o que vocês vão escrever, porra!.

contato@vilare.com.br


O senhor quer que eu mude o nome para Vila Réu? Nada de brinde pro senhor!

OBS.: Manny Curi não tem nenhum preconceito com bairros distantes. Manny Curi morou longe, em um pequeno subúrbio do Rio, durante 23 anos. Não é preconceito. É PÓS-CONCEITO...

Vocês já devem ter notado que Dri Spaca, a chefe da ala das baianas, está fora do ar, né?
Pois bem, eu pautei um escovista para acompanhar as férias de Dri Spaca e Luciano, no melhor estilo “Caras” e ele já começou a me enviar o material. Vejam a reportagem, que editei com esmero:

Gato sai... Rato faz a festa
As Férias de Dri Spaca

Uma linda reunião de família, com direito a muita carne louca e churrasco grego, que aconteceu em Sepetiba, balneário da zona oeste do Rio de Janeiro. Assim começaram as férias de Dri Spaca e Luciano. Lá moram os avós Spaca, imigrantes italianos que inauguraram a fotografia no Brasil com este clique:


Ma che! É tutti baiani!

Na sexta, 26, Adriana ainda corria para passar as roupas, antes de colocá-las todas na mala



Enquanto isso, Luciano já esperava com o possante, em frente à mansão Spaca. Buzinou tanto, que arriou a bateria e chamou um transeunte para consertar. Ele não entende nada de carros. Nem de transeuntes.



Já em Sepetiba, Dri foi recebida calorosamente por sua prima Carla, que também é conhecida como Tonhão


Prima, te vi na Monique!

Depois foi a vez do tio Pintão, que ninguém sabe porque tem esse apelido, apresentar seu novo namorado para Dri e maridon...


E estamos de carro novo, sobrinha!

Mas as coisas azedaram mesmo quando, durante um passeio pelas belas ruas de Sepetiba...


Sepetiba: orgulho do Rio Cidade 2!

...Dri e Lu deram de cara com o ex dela, o Reginaldo!!!!!!!


E o Lu morreu de ciúme, claro!

A Dri ficou balançada, porque ninguém faz cafuné como o Naldo (apelido carinhoso do ex...), mas colocou panos quentes (ou seja, abafou o caso!) e arrastou o maridon para curtir a nada poluída "praia" de Sepetiba...


E amanhã, amor, nós vamos ao Piscinão de Ramos...

Tudo isso aconteceu em cinco dias. Querem saber aonde eles foram depois? Eu conto! Pegaram o possante e dirigiram, de mala, cuia e queijo de coalho para...


a praia do ZÉ MENINO!!!!!!

A Dri tem uma tia lá que é considerada a mulher mais rica da região. Ela antes morava no Boqueirão, mas não resistiu quando Valentina Caran a levou a este lindo imóvel, que antes pertencia a Sula Miranda...


Casa da tia, a Condessa Spaca

Eles não lembravam, mas uns chapas do Lu freqüentam sempre o Zé Menino. A Dri se encantou tanto, que pediu a nosso fotógrafo para registrar o momento.


Da direita para a esquerda: Ticão, Claybom, Donda e Wallace

Mas aí chegou a vez de a Dri ficar com ciúme, porque eles encontraram um antigo amor de Lu: a Martinha Navalha, conhecida(e temida) por cortar de todo e qualquer lado. Vejam abaixo o momento em que Luciano corta o dedo...


Sim, ela acha isso bonito...

Mas tudo ficou em paz quando os dois voltaram a São Paulo e ele mostrou as obras do puxadinho. Já estão adiantadas, porque ele pagou o 13º do ajudante de pedreiro. A casa será inspirada na da família da Jade, de "O Clone". As tendas estão prontas...


Jogue suas mãos para o céu se tiver seu pedacinho de terra

Final Feliz? Ainda não, porque esta bela história será escrita a quatro mãos pelo jovem casal...

A cachaça vai matar um corno desses...
SÓ ESPERO QUE NÃO SEJA EU!


Agora também em versão "ice"

Sim, meus queridos, foi um fim de semana turvo para este que vos escreve.
No Sábado acordei umas seis da tarde, fui ao Gay Caneca e, mais tarde, calibrei com CAIPIRINHA ICE enquanto passava a roupa para a noite. É, bi, porque manicure que se preza não entrega o cuidado com o figurino a terceiros. Até porque não tem dinheiro pra isso...


O ferro lá de casa é novinho, né?


Eu, antes de me montar...

Eu tinha falado mal de caipirinha ice, né? Mas até que é gostoso, depois que você toma a terceira garrafinha. Não é fraco como Smirnoff Ice, que pra mim já virou suquinho. E tava tão geladinha...

Daí dei uma passada básica no Ultralounge onde, digamos, encontrei um amigo. Mas o som não estava legal... De lá para o Cambridge, onde fui recebido por minha amiga Alisson Gothz. A gente até tirou uma fotinha:


Eu não sou feio como estou na foto. Juro!!!!!!!!!!!

Na fila do banheiro, conheci um carinha e uma menina que estavam super afim um do outro, mas num chove-não-molha danado. Resolvi bancar o cupido e, quando ele não estava perto, falava bem dele para ela. E vice-versa até que rolou. Os dois eram geminianos, o que é otimo, porque signos iguais geralmente se dão muito bem.

Conheci mais uma blogueira e freqüentadora da Trash, a Larinha.

Lá pelas tantas, no meio da pista, olhei para a cara de um menino e disse: "Sabia que você é uma graça?" E a próxima coisa que aconteceu foi que a gente se beijou durante um tempo. Honestamente, não lembro se foi muito tempo, mas eu curti e até dei meu telefone, apesar de ter certeza de que não vai rolar uma suíte dessa história. O bom é que ele tinha piercing na língua, o que foi novidade pra mim.

Tomei muitas cervejas e sminorff ice e só voltei para casa quando senti que ia dormir na primeira parede que encostasse.No Domingo arrastei corrente. O dia inteiro! E jurei que nunca mais vou beber. Pelo menos esse ano....

Daí, hoje chego para trabalhar e, em cima da mesa da chefe, dou de cara com a revista Época.


É, eu também queria saber...

sábado, 28 de dezembro de 2002

Glória Perez perde...
DOLLY GANHOU UMA IRMÃ HUMANA

Então, bi...Lembra aquela novela da Jade, que era um babado só? Eu sei, bicha, você não perdia um capítulo, né?
Mas nem a mente, digamos, fértil de Glória Perez previu que haveria uma seita por trás do nascimento do primeiro Murilo Benício, digo, clone humano.

Uma seita aí de que eu nunca tinha ouvido falar - os raelianos - anunciaram hoje que nasceu, no dia 26, o primeiro bebê humano clonado. Quem foi a porta-voz? Uma química francesa chamada Brigitte Boisselier, diretora de um tal laboratório Clonaid (não é clonAIDS, porra!) e usou células de sua própria mãe para gerar o biberinho que acaba de nascer. A criança recebeu o nome de Eve. Homenagem a quem? Bette Davis...

Olha só como a moça é bonita:


"E, em breve, anuncio o primeiro transplante de boca. Eu mesma serei a cobaia"

Mas você sabe, cara leitora, que Central vai além. Fomos apurar sobre a vida pregressa de Brigitte e descobrimos que, na verdade, ela tem um clone no Brasil, que trabalha na Globo, mas nada tem a ver com os pobres do bar da dona Jura. É a apresentadora Angélica. Isso explica porque a moça é tão sem graça: clonagem mal feita. Diz aí se não são cara de uma, focinho da outra?


Linda, loira e sem sal

sexta-feira, 27 de dezembro de 2002

E agora com vocês... Candeia!
MÚSICA DO DIA


Deixe-me ir preciso andar
Vou por aí a procurar
Rir pra não chorar

Deixe-me ir preciso andar
Vou por aí a procurar
Rir pra não chorar

Quero assistir ao sol nascer
Ver as águas dos rios correr
Ouvir os pássaros cantar
Eu quero nascer, quero viver

Deixe-me ir preciso andar
Vou por aí a procurar
Rir pra não chorar

Se alguém por mim perguntar,
Diga que eu só vou voltar
Quando eu me encontrar

Enquanto isso, na minha cabeça...
PRECISO PEDIR PERDÃO

Danilo Poveza, por favor, me perdoe por ter jogado panetone amassado dentro da sua bolsa!
Eu nem lembrava que tinha feito isso, mas não foi para magoar, juro. Quem me relatou o fato foi Manu, ontem, na Crâzy (assim, com acento, que é para todo o mundo entender que é A Lôka traduzido...).

Por falar em ontem, devo dizer que Alisson arrasou com seu modelito "Romero Britto"...

Amigo é coisa pra se guardar
SE CONSELHO FOSSE BOM, SERIA VENDIDO

Olha, da próxima vez que eu falar "vou à Lôka", me prendam, tá?
Bas fond com os seguranças eu ainda não tinha no meu currículo. Até ontem à noite, pelo menos.
E mais: NÃO BEBAM caipirinha ice. É até gostoso, mas deixa as pessoas malvadas. Que o diga o menino de Mogi das Cruzes que eu cacei ontem...

quinta-feira, 26 de dezembro de 2002

Estou passado!
TÁ FALTANDO BAIANA NO RIO!!!!!!!!!!!!!!!!!

Prestem bem atenção na nota que saiu hoje, na coluna do Ancelmo Gois, no jornal "O Globo". Mais uma jogada de mestre do bispo Macedo. Ele fala, mas eu NÃO escuto!


Poucos sabem rodar a baiana como Dri Spaca, amiga do Mano Wladymir

Faltam baianas

Acredite. Algumas escolas de samba estão passando sufoco para reunir em sua ala das baianas o número de componentes exigido pelo regulamento (250).

É que estão perdendo antigas baianas para igrejas evangélicas.

O jeito está sendo recrutar baianas jovens, algumas com menos de 20 anos.


-----

Minha proposta: Dri, Alisson, Gigi, Poveza, Zeezo, Marcelle e quem mais quiser entrar no bonde estão convidados a se juntar a mim na cruzada:

EU ACREDITO NAS BAIANAS DE ESCOLA DE SAMBA!

Será que a gente consegue uma fantasia para sair na ala????? Bem, porque alma a gente já tem, agora só faltam as alegorias...


"Salve, aleluia, salve! Carnaval é coisa do cramulhão, Nizete!"

Subindo pelas paredes
FIM DE ANO É ASSIM, POVO...

Tô procurando um...



(para quem não entendeu: UM PRÍNCIPE...)

Mas, se não encontrar, tô topando até beijar...



(SAPO, sua retardada!!!! SAPO!!

Baianos do meu Brasil...
ESTOU DE VOLTA À PAULICÉIA!!!!!!!!



"Se você anda na Paulista e sente um friozinho na barriga, é porque precisa morar em São Paulo por uns tempos"
Clara Averbuck, Máquina de Pinball

A frase acima resume como nenhuma outra o que sinto quando vejo as luzes, o movimento, a vida que existe na avenida Paulista.
Como carioca exilado nesta terra de que tanto reclamam, digo sem medo que EU AMO SÃO PAULO.
É a cidade que me acolheu e me fez descobrir coisas maravilhosas sobre mim, sobre a vida e, claro, sobre a química, se é que vocês me entendem...
Aqui conheci pessoas maravilhosas e outras nem tanto, mas vivi momentos muito felizes e, tenho certeza, muitos outros virão.
Então, povo de Deus, andem pela Paulista como se não houvesse amanhã. Sorriam, dêem uma caçada básica (que eu sei que lá isso rola muito, mas nunca fui, juro!!!) mas com um cuidado básico:

AQÜENDEM BEM O AQÜE!!!!!!

terça-feira, 24 de dezembro de 2002

Utilidade pública é isso!
CENTRAL DE LACAIAS*


Empregada bonita? Ligue para a Central de Lacaias!

Nove entre dez freguesas aqui do salão reclamam que anda difícil encontrar empregada que não quebre as coisas, seja boa praça, limpe tudo direitinho e não seja insolente como as que aparecem nas novelas do Manoel Carlos.

Lembram aquela da Vera Fischer, em Laços de Família? A atriz era a Thalma de Freitas, mas não lembro o nome da personagem (aposto que a Mãe do Brandon vai lembrar...). Gente, ela se metia em tudo! “Vai aonde dona Helena?”. E desde quando tem que dar satisfação, lacaia? Dava ódio dela! Eu, se fosse Vera, não dava asa para essa lacaia. Ela ia limpar tudo e ainda me pediria para trabalhar nos dias de folga.


Dona Helena, eu trabalho
no Natal e no Réveillon!


Pensando neste meu talento para o adestramento de lacaias, e de olho na necessidade do mercado, estou lançando um novo serviço: a CENTRAL DE LACAIAS. As ações da empresa já estarão na bovespa e na bolsa de Nova York a partir de 2 de janeiro. O web site está em construção.

Daí eu pergunto o que você faz se, às 2 da manhã:

1. Lembra que vai chegar de manhã aquela tia chata, que repara em toda a arrumação da casa?
2. Derrama vinho tinto no sofá italiano caríssimo, que precisa ser limpo imediatamente?
3. Quebra uma taça de cristal no tapaete felpudo da sala do bofe?

Eu digo!
Você corre até a cozinha, toma um lexotan e liga para a CENTRAL DE LACAIAS: 0800 LACAIA JÁ
Em menos de dez minutos, uma profissional eficiente, bilingüe, limpa e, melhor de tudo, que não puxa papo com você, estará em sua casa. Ela leva um kit com vários produtos, inclusive VEJA.


Veja, também no kit das lacaias

E você ainda ganha esta linda boneca Domésti Ka, da linha "Baiana", versão século 18!!!!!!!!


Brinde de luxo!

Mas espere!
Ligando agora você pode escolher o tipo de uniforme que sua lacaia usará:

Século 18, Putinha de Jacareí, Coelhinha da Playboy, Desinibida do Grajaú ou Loira Perua.


É só escolher o modelo do uniforme!

Quem vai ser nosso primeiro cliente? Manoel Carlos, é claro. Tô querendo fazer merchandising na próxima novela dele...


Lacaia: eu já encomendei a minha!

(*marca registrada da Central de Manicures, serviçais para uma sociedade mais confortável...)

Isso, sim, é uma cidade!
Um dia feliz na terra natal


Rio é tudo, bi!

Ainda no Rio, de folga, passei a tarde de ontem em Ipanema e lembrei que a vida é muito mais do que estações de metrô, boates nos Jardins e preocupação com contas e notícias de jornal.
Encontrei dois amigos que não via havia milênios: O Guy, que foi professor junto comigo no curso de inglês onde trabalhei e a Rose, que era secretária no mesmo curso.

Foi uma tarde muito feliz, povo!

O mar estava lindo, cheio de gente bonita, com aquele tom dourado do sol batendo nas águas.

O Rio é realmente demais...

A conversa, como não podia deixar de ser, acabou resvalando para o sexo. Rose contou coisas que me mataram de rir. Por exemplo, que adora ser xingada na hora H e que para ela um tapinha realmente não dói. Nem muitos.

No fim do dia, peguei uma carona para a Barra com meu ex. Foi o fim definitivo de qualquer coisa romântica que ainda pudesse haver entre nós. Sabe episódio de série, tipo “Party of Five”? Foi assim, com direito a “atitude nobre” da minha parte (que atitude? Parar de tentar seduzi-lo e desistir de terminar o dia no motel).

Nobilísssimo, né não?

segunda-feira, 23 de dezembro de 2002

Aserehê de cu é rola
Rouge: Quem falou que elas são legais????


Estamos prontas para assinar o pacto com o demo, seu Silvio..."

Não é de hoje que eu detono as mocinhas do bonito grupo chamado ROUGE. Pois bem, hoje estava vagando pelo site do SBT (procurando o disquinho do post aí de baixo) e dei de cara com o site delas, que tem fotos bem legais, frases inesquecíveis e detalhes preciosos sobre as cinco cantoras que saíram do nada para se tornarem POPSTARS.

Santo Expedito é forte e vai fazê-las voltar ao ostracismo, eu tenho fé. Mas, enquanto isso não acontece, vejam o melhor que consegui extrair do site:

Karin, a que nasceu no agradável município de Paracambi, no Rio, é bem seletiva em seus pratos. O favorito? "Arroz, feijão, ovo e qualquer legume". Ou seja, essa não vai ter dificuldade em arranjar cozinheira. É só chama alguma tia dela... Mas o melhor de Karin está no item "Fotos Pessoais". Essa aí é um verdadeiro tesouro.


Karin (em algum lugar da foto) com a turminha do bem...

Aline também é seletiva no cardápio. Mais do que Karin até. Seu favorito? "Arroz com feijão". Perfeito, hein? Seu perfumte faovrito? "Qualquer um que o cheiro me agrade". Desprendida, né? Agora, antes de entrar no Popstars ela já era uma estrela. Vejam:


Aline, em versão acústica. Atentem para o parceiro de cantoria... E ela acha isso bonito!

Outra hora falo mais. Enquanto isso divirtam-se no site do Rouge


Álcool para entrar...
Reza para sair!


Dri fez questão de ver se Ivinha não tinha câncer de mama. Eu, a esta altura, já estava colocado, como revela a imagem

Com apenas alguns dias de defasagem, e em nome do jornalismo ágil, publico agora as fotos do encontro amável que ocorreu em meu salão na última quarta-feira. Foi um luxo! O pessoal do "Melhor da Tarde" e do "Flash" queria cobrir, mas eu disse que era uma festa reservada. O Zeezo, no entanto, conseguiu entrar com esta câmera escondida e flagrou até o que não devia.

No início da noite, achei que o povo fosse dar o cano e comecei a consumir o estoque de álcool com minha parceira de copo, a sagitariana Ivinha Ólive. Tomamos uma garrafa de Baden Baden, que foi aprovada com louvor. Era apenas o ínício de muuuuuuita colocação.

Depois a poveza chegou toda junta. Devem ter vindo todos no mesmo ônibus, o circular que sai de hora em hora do parque Edu Chaves.

Para animar a noite, programei sorteios. A mais sortuda da noite foi Dri Spaca, que levou o kit Zezé di Camargo e Luciano by Marabraz, com agenda, 2 relógios e fotos dos cantores.


Kit Marabraz... Sorteio melhor, ninguém faz....

Os convidados deram um show à parte...


Camila, a rainha da noite, também foi! Ela é inesquecível!

Poveza levou o segundo prêmio. Prova de que Deus sabe bem o que faz. Afinal, nada melhor para alguém que procura um grande amor do que...


O LIVRO DO ANO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Zeezo se apaixonou pelo meu gato, o Juca. Quer dizer, eu só lembro disso porque vi na foto, mas deve ser verdade...


"Festa estranha com gente esquisita! Eu, hein!", pensa Juca

Adriana acaba de ser contratada como garota propaganda do ketchup Arisco:


"Você fica com o kethcup. Eu, com o picante"

Quem mais apareceu? Bia e Manu, que nesta foto estão com cara de quem fazia algo ilícito segundos antes de serem fotografados...


Er... a gente tava olhando a vista, bi...

Gigi ganhou o troféu "Belle Epoque" e matou a Gabriela Duarte de inveja. Teve até telefonema do Benedito Ruy Barbosa e do Walcyr Carrasco querendo que ela faça uma ponta em "Esperança"


"Cortei no Marco Antônio de Biaggi"


E o Luciano, aka maridon de Spaca...


"Hoje eu tô com a macaca..."


Agora, um momento de auto análise:


Hmmm... acho que minha barba não é legal!

Estou de mal com todas as pessoas que me deixaram andar na rua com essa barba ridícula. Por que ninguém olhou e gritou: QUEM DISSE QUE É LEGAL?